.

sábado, 7 de agosto de 2010

Pomba Gira das Sete Encruzilhadas

Pomba-gira das sete encruzilhadas
Nasceu no ano de 914 e faleceu no ano de 952.
Tratava-se de uma mulher morena , baixa estatura, olhos e cabelos pretos , tinha um rosto incomum; era bonita, mas não dentro dos padrões comuns.
Suas cores são: vermelho, preto e roxo.
Seus símbolos são: tridente de 7 pontas, 1 navalha, e um punhal.

Sua comida preferida é padê com farofa, além disto gosta muito de farofa com ovos.
Sua bebida preferida é camapri.
Sua missão na Terra é destrancar os amores.
Entrega-se suas oferendas nas encruzilhadas.
Prepara-se uma oferenda com rosas, velas, cigarros e frutas
Sou uma rosa, sou um perfume, sou a mais bela de qualquer jardim, ouço lamentos, ouço queixumes, não há mulher que não venha até mim. Sei seduzir, me deixo seguir, a palavra dificil para mim não existe, de preto e vermelho, ou sem me vestir, homem algum a mim me resiste. Bebo champanhe, fumo cigarro, digo mil coisas sem nunca falar, sei ler na mão, jogo o baralho, a mim só me engana quem eu deixar. Se alguém precise e me queira encontrar, siga o perfume em noite de luar, diga meu nome sem se enganar, sou Pombagira, a rua é meu lar. Autor: Paulo Lourenço

POMBAGIRA SETE SAIAS DO CABARÉ

POMBAGIRA SETE SAIAS DO CABARÉ
SALVE SETE SAIAS DO CABARÉ!
DONA SETE SAIAS, É MOJUBÁ!